Internacional
Morte De Claudia Aderotimi

Quem é a culpada

Sáb, 12/02/2011 - 16:42

A polícia americana tenta encontrar uma transexual, cantora de hip-hop, que se chama Black Madam. Suspeita que foi ela que administrou o silicone fatal nas nádegas de Claudia Aderotimi.

A suspeita, também conhecida por Padge-Victoria Windslowe, de 41 anos, é acusada de injectar silicone na britânica de 20 anos, num hotel de Filadélfia.

A polícia acredita que, durante a operação, que custou cerca de 1 200 euros, foi usada Krazy Glue, uma super-cola popular nos Estados Unidos, usada em trabalhos manuais.

Claudia Seye Aderotimi sonhava dançar em videoclips de rap, mas acreditava que precisava ter um traseiro maior para ser bem sucedida. Já teria, aliás, viajado para os Estados Unidos em Novembro, para receber injecções de silicone e queria agora uma nova dose.

Morreu na passada terça-feira, alegadamente resultado da injecção de silicone. 

Siga a Nova Gente no Instagram