Saúde e Beleza
medicina estética

VIP’s somos todos!

Sex, 21/02/2020 - 08:00

Estaremos reféns dos atuais padrões de beleza numa sociedade tão diversificada e simultaneamente tão exigente?

Artigo de opinião

Por Dra. Renata Morais - Médica de Medicina Estética

Desde sempre que existe uma enorme preocupação com a imagem corporal que tem sido associada a «supostos» modelos de beleza e quase sempre com um determinado padrão, que seja de alguma forma socialmente desejado.

Atentemos, por exemplo, na escultura «Vênus de Willendorf» que retratava a mulher “perfeita” como tendo formas voluptuosas associadas à fertilidade e sexualidade.

Historicamente fomos passando por diferentes fases: desde esconder o corpo de forma recatada na Idade Média, até ao aparecimento das famosas estrelas de Hollywood nos anos 40-50’s com as suas formas curvilíneas, cintura marcada e lábios carnudos qual padrão de juventude e sensualidade.

Reportando a esta altura quem não se lembra da famosa cena do vestido branco esvoaçante da Marilyn Monroe no filme “O pecado mora ao lado”?

Atualmente assistimos, em todo o mundo, a um crescente «investimento» no cuidado da imagem, talvez porque nos tenhamos dado conta que esta não deixa de ser a forma como nos apresentamos e como nos sentimos confortáveis na nossa “pele”.

Uma boa autoestima é um importante ponto de partida para nos sentirmos bem, não só connosco, mas também com os outros, seja a família, ou amigos ou até os nossos colegas.

Três mil anos antes de Cristo, o povo egípcio já dispunha de maquilhagem para realçar alguns traços do rosto como os olhos e as sobrancelhas, sendo curioso que algumas dessas técnicas permanecem ainda válidas e utilizadas nos dias de hoje.

Basta repararmos no forte e crescente mercado cosmético que nos vem proporcionando produtos cada vez mais avançados, eficazes e… capazes de nos disfarçar ou mesmo alterar determinas características.

É impressionante o poder da maquilhagem!

Assim, podemos ser facilmente “enganados” com imagens fabulosas de rostos perfeitos elaborados à custa de excelentes técnicas de maquilhagem e “filtros” de redes sociais que camuflam aquilo que queremos esconder e visam construir os traços da tão desejada perfeição.

Este é sem dúvida um dos principais desafios da medicina estética: gerir as expectativas dos pacientes que manifestam o desejo de ser igual a alguém, mesmo que de forma estereotipada e pouco real.

As técnicas e tecnologias que utilizamos na Up Clinic são as mais avançadas e os nossos protocolos são individualizados e construídos à medida de cada um, para assim poder satisfazer os respetivos desejos com realismo. Só assim conseguimos proporcionar aos nossos pacientes uma “maquilhagem” natural sem a criação de imagens pejadas de artificialidade e falta de genuinidade.

A abordagem de cada paciente é complexa e exigente. Não somos perfeitos…não podemos parar o tempo, mas podemos recorrer às tais técnicas personalizadas, que dispomos na Up Clinic, com o objetivo de melhorar e prevenir sem recurso ao “Photoshop”.

 

Tire as suas dúvidas

Sabia que pode tirar as suas dúvidas sem se quer sair do sofá? Pois, é verdade. Através do e-mail saude.novagente@worldimpalanet.com poderá ter a resposta que precisa para o seu estado de saúde.

O tempo de resposta ao mesmo vai depende do volume das mensagens recebidas dos leitores.

 

Dra. Renata Morais - Médica de Medicina Estética na Up Clinic

Siga a Nova Gente no Instagram