Nacional
Manuela Moura Guedes acusa Sócrates

«Ele tentou seduzir jornalista de política da TVI»

Sex, 17/11/2017 - 12:50

A jornalista explica como é que o antigo primeiro-ministro seduzia os jornalistas. E ainda diz que chegou a sentir «pena» dele.

Foi há oito anos que Manuela Moura Guedes foi afastada do Jornal Nacional das sextas-feiras, na TVI. A jornalista garante ter sido posta fora a mando de José Sócrates por ser demasiado incómoda para o governo do antigo primeiro-ministro, José Sócrates.

E não foi por ter sido despedida que Moura Guedes se calou. Em entrevista ao «jornal i», faz novas revelações.

Manuela Moura Guedes conta que o então primeiro-ministro – agora acusado de 31 crimes pelo Ministério Público – tentou seduzir pelo menos uma jornalista da televisão de Queluz de Baixo.

Sedução a jornalistas

«Ele ligava para os jornalistas. Esse então dava-se ao trabalho de ser ele a ligar pessoalmente, eles ficavam encantados. Não vou dizer quem, mas ele convenceu até uma jornalista de que andava interessado nela. Lembro-me perfeitamente, uma jornalista de política», começou por explicar. «Quando foi o caso da Carla Bruni [mulher do ex-presidente francês Nicolas Sarkozy], ele deve ter pensado “ora aqui está uma coisa boa” e então andou a fazer rapapés a uma jornalista da TVI [risos]. Não é divertido? Ligava-lhe…», acrescenta.

O que Moura Guedes não diz é se chegou a haver envolvimento físico. Nem revela no nome da jornalista.

«Dei comigo com pena dele»

A antiga pivô vai mais longe. Diz que chegou a sentir «pena» de José Sócrates quando leu “as escutas com as mulheres, aquele chorrilho de mulheres a pedirem-lhe dinheiro”.

Leia mais aqui.

Leia outras notícias em destaque:

Georgina Rodriguez
Conheça a família da namorada de Cristiano Ronaldo


Catarina Furtado
Após surgir sem aliança, responde com sorriso no rosto


Diogo Morgado despreza os avós
«Para eles, eu não existo», diz a avó do ator


Musas
As mulheres do «ménage à trois» com Johnny Depp

Siga a Nova Gente no Instagram