Internacional
Mãe De Gémeas

Um apelo desesperado

Qui, 10/02/2011 - 12:45

Irina Licidi pede a todos os que virem as suas filhas gémeas, Alessia e Lívia, de seis anos, e que tenham alguma informação que comuniquem à polícia.

Depois de saber que as suas filhas gémeas Alessia e Lívia, de seis anos, terão sido vistas, a suiça Irina Licidi fez um apelo, num acto de desespero, num canal de televisão italiano.

"Quem tiver visto, ou sabe algo sobre a Alessia e a Lívia, por favor dirija-se à polícia e comunique qualquer informação que possa ter. Naturalmente que o facto de terem sido vistas na Córsega a bordo de um ferry boat, dá-me esperança de que estejam vivas algures, com alguém”, afirmou a mãe das gémeas.

Recorde-se que as meninas desapareceram, após o suicídio do pai, Matthias Schepp, no dia 3 de Fevereiro, em Itália. O homem tinha fugido no dia 30 de janeiro com as filhas e movimentou-se entre a Suíça, Itália e França. Antes de se suicidar, o pai das crianças enviou 4.400 euros à mãe, mas não deu qualquer informação sobre o paradeiro de Alessia e Lívia.

Siga a Nova Gente no Instagram