Nacional
Mãe De Angélico

Revoltada com Deus

Sex, 14/10/2011 - 16:43

Filomena quase não sai de casa e sobrevive à custa de calmantes. O ex­-marido, Milton, tem sido o seu apoio para tratar das questões da herança do filho.

Quase quatro meses depois da morte de Angélico, a mãe do cantor continua inconsolável. Filomena perdeu a razão de viver quando viu partir o seu único filho e entregou­-se à tristeza e à revolta de quem não aceita o trágico destino. Quase não sai de casa, raramente vai ao cabeleireiro que tem no Laranjeiro e sobrevive à base de calmantes e da pouca comida que vai ingerindo.

“A Mena não consegue ultrapassar o que aconteceu. O mundo dela era o filho e, como tal, ruiu todo. Para ela, o mundo deixou de existir, ficou vazio, visto que o seu único objetivo era acompanhar e viver para o Angélico. Não está a conseguir ultrapassar a dor, está muito revoltada e culpa muito Deus pela morte do filho. Não consegue entender, nem resignar­-se e diz que não percebe como é que Deus pode ter levado um menino tão bom”, conta uma fonte próxima da família.

Leia tudo na edição desta semana, já nas bancas.

Siga a Nova Gente no Instagram