Internacional
Escândalo

Cantora mostra vagina para promover novo álbum

Sex, 25/05/2018 - 09:15

Lily Allen está a ser agora acusada de fazer tudo por tudo para vender álbuns.

É mais uma polémica na vida de Lily Allen

A cantora britânica encontrou uma forma no mínio original para promover o seu mais recente trabalho de originais, «No Shame».

LEIA MAIS: O aborto de Lily Allen

Num golpe de marketing e com o objetivo de apelar à atenção de todos os seguidores e não seguidores, a intérprete resolveu partilhar nas plataformas sociais uma imagem das suas partes mais íntimas, em concreto, a vagina.

Mas, ao contrário do que se esperaria, esta controvérsia na vida da celebridade não é nova. As fotografias em questão são já antigas e remontam a 2014, quando um paparazzo resolveu enviar a Lily algumas cópias das imagens em questão, escrevendo a seguinte mensagem: «Essa foto estará na Internet para sempre, Lily». Sentindo-se encostada a parede, a vedeta decidiu aproveitar essas imagens para proveito próprio. 

SAIBA MAIS: Lily Allen foi presa pela polícia

Sem qualquer tipo de vergonha, a cantora respondeu à provocação e partilhou a «imagem proíbida»: «Olhem para a minha vagina meticulosamente depilada em 2014, três humanos saíram daí! «No Shame» será lançado no dia oito de junho», escreveu Lily na legenda da publicação.

Veja as fotos na nossa galeria.

 

Fotos: Reprodução Instagram e Twitter

 

Siga a Nova Gente no Instagram