Realeza
Duque De Edimburgo

A mensagem de agradecimento aos trabalhadores da frente de combate à pandemia da Covid-19

Seg, 20/04/2020 - 17:40

O duque de Edimburgo fez uma rara declaração pública onde agradece o trabalho «vital e urgente» dos profissionais da medicina e da ciência.

O duque de Edimburgo fez uma rara declaração publica de modo a agradecer aos trabalhadores da frente de combate à pandemia da Covid-19. Foi através da página oficial de Instagram da família real britânica que o marido da rainha Isabel II reconheceu esta segunda-feira, 20 de abril, o trabalho «vital e urgente» dos profissionais da medicina e da ciência, assim como de todos os que  mantêm os serviços essenciais em funcionamento.

«Em nome daqueles que permanecem seguros e em casa, também gostaria de agradecer a todos os trabalhadores essenciais que garantem que a infraestrutura de nossa vida continue; os funcionários e voluntários que trabalham na produção e distribuição de alimentos, os que mantêm os serviços postais e de entrega e os que asseguram que o lixo continua a ser recolhido», afirmou.

De recordar que o duque de Edimburgo, que completa 99 em junho, se afastou da vida pública em 2017. Atualmente encontra-se junto da rainha no Castelo de Windsor, com um grupo de empregados reduzido já que ambos fazem parte da população de risco devido a esta pandemia.

O discurso de Isabel II

No passado dia 5 de abril, a rainha Isabel II apelou à união de todos. A monarca, de 93 anos, decidiu regressar ao discurso televisivo pela quinta vez em 68 anos à frente da Coroa do Reino Unido, uma vez que este «tempo de perturbação».

Num discurso muito assertivo e emotivo, houve pormenores que não passaram despercebidos, como por exemplo a referência da monarca à II Guerra Mundial. 

«Dias melhores virão. Vamos estar com os nossos amigos novamente, vamos estar com as nossas famílias novamente, vamos encontrar-nos outra vez», afirmou, numa referência à música de Vera Lynn, «We'll Meet Again», que foi um verdadeiro sucesso durante a II Grande Guerra.

«Enquanto crianças, [a rainha e a irmã, Margaret] falámos a partir daqui, em Windsor, às crianças que foram retiradas das suas casas e mandadas embora pela sua segurança. Hoje, mais uma vez, muitos sentirão uma sensação dolorosa de separação dos seus entes queridos. Mas agora, como então, sabemos, no fundo, que é a coisa certa a fazer», declarou a rainha Isabel II, recordando o primeiro discurso público que fez em 1940, com a irmã Margaret. 

A luta agora contra uma guerra diferente, Isabel II aproveitou para agradecer a todos os profissionais de saúde que estão na linha da frente no combate à Covid-19. «Estamos a combater esta doença juntos e quero assegurar-vos que, se permanecermos juntos e firmes, vamos ultrapassá-la», disse.

Texto: Inês Marques Fernandes com Mafalda Mourão; Fotos: Reuters

 

Leia a NOVA GENTE sem sair de casa

Vivemos tempos de exceção mas, mesmo nestes dias em que se impõe o recolhimento e o distanciamento social, nós queremos estar consigo. Na impossibilidade de comprar a sua revista favorita nos locais habituais, pode recebê-la no conforto de sua casa, em formato digital, no seu telemóvel, tablet ou computador. . .

1 - Aceda a www.lojadasrevistas.pt

2 - Escolha a sua revista

3 - Clique em COMPRAR ou ASSINAR

4 - Clique no ícone do carrinho de compras e depois em FINALIZAR COMPRA

5 - Introduza os seus dados e escolha o método de pagamento

6 - Pode pagar através de transferência bancária ou através de MB Way!

E está finalizado o processo! Continue connosco. Nós continuamos consigo.

 

Siga a Nova Gente no Instagram