Nacional
Duarte Lima

Interrogado de novo

Ter, 24/08/2010 - 10:35

As autoridades brasileiras querem interrogar o advogado, através da Polícia Judiciária portuguesa, em relação ao assassinato de Rosalina Ribeiro.

As explicações de Duarte Lima sobre a morte de Rosalina Ribeiro não terão convencido a divisão de homicídios do Rio de Janeiro, que quer interrogar o advogado. Nesse sentido, as autoridades brasileiras já terão enviado uma carta rogatória com carácter urgente para que o advogado seja ouvido, nas instalações da Polícia Judiciária (PJ), em Lisboa.

Já que o português não vai ao Brasil, aquela foi a forma mais rápida e eficaz encontrada pela Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro. O documento já estará na posse da PJ, tendo como obejctivo final que os investigadores do Rio de Janeiro possam acompanhar esta diligência em Lisboa, como observadores.

De facto, a PJ descarta a hipótese de se deslocar ao Rio de Janeiro para investigar o caso, até porque não está prevista a abertura de um inquérito, com base em provas no processo brasileiro.

Siga a Nova Gente no Instagram