Nacional
Drama

Realizador de cinema acusado de violar atriz

Qua, 04/10/2017 - 17:30

A atriz que acusou o realizador de a violar tinha 15 anos na altura do crime!

Renate Langer, atriz alemã de 61 anos, acusou Roman Polanski, cineasta polonês de 84 anos, de a ter violado quando esta tinha apenas 15 anos. 

O alegado crime aconteceu em 1972 e só agora a atriz decidiu denunciar o realizador. No entanto, esta não é a primeira vez que Roman é acusado de tal ato. Renate é a quarta mulher a denunciá-lo por violanção. 

De acordo com o jornal estadunidense "The New York Times", a violação contra Renate ocorreu por duas vezes, na casa de Roman, quando a atriz alemã tinha 15 anos e o cineaste 38 anos. 

O crime não foi denunciado por vergonha, algo muito comum em mulheres que sofreram com esse mesmo crime e que acabam por se culpar, e por isso Roman saiu impune de toda a situação. 

"Minha mãe teria um ataque cardíaco. Eu tinha vergonha, me sentia perdida e sozinha”, conta Renate.

O caso de maior repercussão foi o de Samantha Geimer, violada aos 13 anos por Roman, em 1978. Após 40 anos, Samantha foi pela primeira vez a tribunal, tendo pedido encerramento do caso. 

A vítima acabou por minimizar a gravidade do crime e Roman passou 42 dias sob custódia pré-julgamento, antes de deixar os Estados Unidos.

“Não foi traumático para mim como todos gostam de pensar que foi. Eu era uma jovem adolescente sexualmente ativa e foi uma coisa assustadora. Mas não era uma coisa incomum. Coisas muito piores aconteceram com pessoas”, disse.

Saiba mais aqui.

 

Espreite também:

Eduardo Beauté

Despede empregada e nem imagina o porquê

 

Fanny Rodrigues

Filho protagoniza episódio inédito em direto

 

Drama

Atriz de novelas morre de cancro no pulmão

Siga a Nova Gente no Instagram