Internacional
Britney Spears

No banco dos réus

Seg, 16/05/2011 - 10:34

O ex-agente da cantora quer que esta testemunhe em tribunal num processo por difamação, mas os pais de Britney afirmam que ela é mentalmente incapaz de o fazer.

Britney Spears moveu um processo contra o ex-agente e este retribuiu na mesma moeda, por isso, a cantora vai ter de se submeter a uma avaliação psiquiátrica.

O caso remonta a 2009, quando Britney entrou num espiral de escândalos, que envolviam álcool, drogas e festas, que lhe valeram a perda da custódia dos filhos. Mais tarde, a cantora acabou por acusar Sam Lufti de lhe ter provocado o colapso nervoso que sofreu e de lhe ter fornecido drogas frequentemente. Agora, o ex-agente resolveu contra-atacar e moveu um processo contra Britney acusando-a de difamação.

No entanto, os pais da cantora, que se tornaram seus tutores legais depois desta ser considerada incapaz de tratar de si própria, asseguram que esta é mentalmente incapaz de depor em tribunal, como Sam Luffi pretende. Mas esta ideia já foi recusada pelo ex-agente que até já contratou um psiquiatra para analisar uma entrevista televisiva recente de Britney e que concluiu que esta está apta para testemunhar, pois tem um discurso lógico e coerente.

Recorde-se que a cantora parece ter recuperado dessa fase conturbada, tendo lançado recentemente um novo disco, para o qual está a preparar uma digressão mundial. A nível pessoal, Britney está numa relação estável e voltou a ter a custódia dos dois filhos. 

Siga a Nova Gente no Instagram