Nacional
Romana e Santiago

"Não tenho medo nenhum de parir"

Qui, 16/02/2017 - 18:46

Na semana em que revelaram que estão à espera de um menino, Romana e Santiago falam-nos em exclusivo do que esperam do primeiro filho em comum e da gravidez.

Romana está grávida de quatro meses. O pai, Santiago Gomes, de 31 anos, é irmão de Merche Romero. A cantora, de 35 anos, que já é mãe de Ísis, de 12, de um anterior relacionamento, prepara-se para a chegada do primeiro filho em comum com o ator e personal trainer, que não cabe em si de contente. O casal decidiu partilhar com a NOVA GENTE as emoções deste tão desejado estado de graça.

Ter um filho era um sonho dos dois?

Romana (R.) – Sim, era um sonho dos dois, senão a gravidez não faria sentido.

Santiago (S.) – Confere!

Quantas semanas tem de gravidez?

R. – Estou de quatro meses.

Quando soube da gravidez, qual foi o seu primeiro pensamento?

R. – Que corresse tudo bem porque, para uma mãe, é fundamental saber que a gravidez está a correr bem. Estou superfeliz e há muito tempo que não estou nesta situação, parece que é a primeira vez que estou grávida e, na realidade, já é a segunda. Estou com a pessoa que amo, vamos ter um filho e eu só quero que venha perfeitinho e encontre um ambiente repleto de amor e felicidade.

Que diferenças nota entre a gravidez da Ísis, a sua filha mais velha, e a de agora?

R. – Sinto muitas borbulhas. Da primeira vez, a pele manteve-se perfeita! Agora, já está a estabilizar, mas, de início, a minha pele ficou esquisita. A minha sensibilidade está à flor da pele... Tanto choro desalmadamente como desato a rir que nem uma doida. As hormonas estão muito agitadas, certamente.

Santiago, como recebeu a notícia de que ia ser pai? Foi um filho planeado?

S. – Já tínhamos falado na possibilidade de termos um filho porque eu sempre quis ser pai e a Romana queria voltar a ser mãe. Não foi pla- neado, mas aconteceu, o que nos trouxe muita alegria e felicidade. Tudo na maior tranquilidade. Eu sou maluco por crianças, sou até pior do que elas, por isso reagi muito bem quando soube que ia ser pai. Gostava de ter sido um pai ainda mais jovem, para a diferença de idades ser menor. Quero ser, além de pai, um amigo do meu filho.

Já têm um nome pensado para o filho?

R. – Temos alguns nomes, mas não queremos partilhar para que não nos roubem as ideias (risos). Será um nome pequenino e luminoso.

S. – Vai ser um nome diferente, de certeza!

Sendo que já tem uma filha de uma outra relação, a Ísis, de 12 anos, como é que ela está a lidar com a gravidez da mãe?

R. – A Ísis está superfeliz, ela quer é um irmão! Está a lidar lindamente, pergunta-me se já tenho contrações e porque é que nunca mais me cresce a barriga (risos). Ela está ansiosa para que se dê o nascimento, quer o “Nenuco” só para ela. Farta-se de me mexer na barriga.

A Ísis não sentiu ciúme do bebé?

R. – Nada. Pelo contrário, como ela tem uma relação muito boa com o Santiago, esta novidade para ela foi o “máximo”!

S. – A minha relação com a Ísis é top. É espetacular! Eu adoro crianças e eu e a Ísis passamos muito tempo na brincadeira. Mas quando as coisas têm de ser mais sérias e ela tem de estudar, ela ouve-me. E quando conseguimos ter estas duas partes de uma criança, temos tudo. Ela brinca comigo e também consegue respeitar-me. Não foi uma conquista difícil... A primeira vez que a vi foi à saída do programa (A Quinta) e, mesmo sem dizermos nada, rimo-nos um para o outro.

Santiago, está preparado para ser pai?

S. – Sim! Estou preparado! Claro que sim. Já mudei fraldas ao meu sobrinho, estou tranquilo com as tarefas, já não sou estagiário... O bebé que venha saudável e a rir.

R. – Algo me diz que o Santiago vai ser um grande pai. Se não me sentisse segura, não trazia uma criança ao mundo. E que ela venha toda perfeitinha, cheia de energia.

Porque não falaram da gravidez mais cedo?

R. – Decidimos manter reserva até sabermos que estava tudo bem com a gravidez. Achámos que só iríamos assumir a gravidez e dar uma entrevista quando achássemos que alguém merecia. E a NOVA GENTE foi a escolhida.

S. – Temos a nossa vida profissional, eu como ator e ela como cantora, e cada coisa a seu tempo.

Já começaram a preparar o quarto do bebé e a comprar roupinhas?

S. – Temos algumas ideias, mas ainda não começámos. Ainda não comprámos nada. Temos montes de sapatinhos que nos deram, mas quero dizer a quem os deu que o pé do meu filho vai ser maior que aqueles sapatinhos (risos). Têm medo que a criança ande descalça. Pode andar nua, mas descalça é que não. É meias e sapatos. Não tem uma cuequinha, mas não lhe faltam sapatinhos (risos).

Já viram o vosso bebé nas ecografias?

S. – Já vi, pois, é lindo! Tenho controlado tudo com o médico, já tem um bom tamanho. Ele estava com 57 milímetros e agora deve estar muito maior. Já tem bracinhos e perninhas. Tem tudo. Sou um pai muito atento. Acompanho o bater do coração do meu filho e temos guardadas todas as ecografias dele. Quero que ele veja como era na barriga da mãe.

O nascimento está previsto para quando? Vai ser parto normal? O Santiago vai assistir?

R. – Não fujo a um parto normal, não tenho medo nenhum de parir!

S. – Eu vou lá estar a ajudá-la a gritar (risos)... para apoiar. Somos muito tranquilos, vai tudo correr às mil maravilhas e vamos estar em sintonia. Em princípio, nascerá entre junho e julho.

Não vai afetar a agenda de espetáculos da Romana para o verão?

R. – Não incomoda nada. Trabalho em agosto e setembro e até ao parto, se conseguir. Tenho dois meses de férias que também são merecidos.

Celebraram mais de um ano de namoro e vão ter um filho. É para quando o casamento?

R. – O casamento é um contrato para ganhar dinheiro. No amor, não se assinam contratos. Não é uma obrigação, tem de haver liberdade. Se fizermos algo para assinalar, será uma festa com os amigos.

Mantém o regime vegetariano na gravidez?

R. – Sim, para além do vegetariano, para além da alimentação, é um estilo de vida. Optei pelo vegetarianismo com a minha filha Ísis e agora vou fazer o mesmo. O Santiago está de acordo porque tem sentido os benefícios desta alimentação. A Ísis é cem por cento saudável.

S. – Eu já não como carne há um mês, deixei de o fazer. Estou a fazer um teste para ver como é que reage o meu corpo. Vou continuar para ver se me faz falta a carne, de que tanto gosto. Mas eliminei a lactose, o leite. E a Romana tem-me ajudado a conhecer novos nutrientes.

A nível profissional há projetos no ar?

R. – Ele acabou de fazer um papel no Inspetor Max, da TVI, é o meu personal trainer (PT) preferido e é um PT muito sensível, no que respeita às populações especiais. Ajudamo-nos muito um ao outro no nosso dia-a-dia. A melhor parte da relação é este apoio. Pensamos em ter mais filhos, o Santiago quer dez filhos (risos).

S. – O nosso projeto comum, que estamos em vias de montar a curto-médio prazo, tem a ver com a área da saúde, da alimentação e do bem-estar. É um projeto dos dois e já tem um espaço físico: é um estúdio de treino personalizado e a ideia é fazer a comida para o treino personalizado de cada pessoa.

Texto: ALEXANDRA FERREIRA (alexandra.lemos.ferreira@impala.pt) | Fotos: NUNO MOREIRA